Cotidiano
 
Corpos de presos são periciados no IML
Do total de 31 mortos, 22 foram periciados pelo IML até o momento e quatro identificados e liberados para as famílias
 
Por - Redação I 06/01/2017 - 19:33 -
———————————————————————————————————————————
Fotos: Divulgação
Uma carreta com refrigeração foi estacionada atrás da sede do IML para armazenar os corpos dos presos
A Secretaria de Comunicação do Estado de Roraima informou na tarde desta sexta-feira (6) que o IML (Instituto Médico Legal) designou seis peritos (médicos legistas e odontolegistas) e seis auxiliares de necropsia para agilizar os trabalhos de liberação dos corpos dos detentos mortos na Pamc (Penitenciária Agrícola de Monte Cristo).

Já foi realizada a perícia de 22 corpos que encontram-se no IML, e que está sendo realizado levantamento de identificação civil dos cadáveres junto ao IIOC (Instituto de Identificação Osvaldo Cruz).

A fim de manter a segurança dos familiares e evitar tumultos, áreas administrativas do complexo dos institutos de perícias da Polícia Civil (IML, Criminalística e Identificação) foram isoladas.

Uma carreta frigorífica foi estacionada na rua de trás do IML para armazenar os corpos. Agora há pouco, a Secretaria de Comunicação do Governo informou a contagem de 31 corpos.

 
 
 

 

 

Imprimir Enviar Corrigir Tamanho: A+ a-




Notícias relacionadas