Cotidiano
 
Roraima terá oito escolas de tempo integral no ensino médio
As escolas de tempo integral do ensino médio vão atender 2.724 alunos do 1º ano
 
Por - Redação I 26/12/2016 - 10:41 -
———————————————————————————————————————————
Fotos: Divulgação
A adesão se deu por meio do Programa de Fomento à Implementação de Escolas em Tempo Integral do MEC
Roraima terá oito escolas da rede estadual do Ensino Médio na modalidade tempo integral, para 2.724 alunos. O resultado foi divulgado na tarde de sexta-feira, 23 de dezembro, pelo MEC (Ministério da Educação). No Estado, a Seed (Secretaria Estadual de Educação e Desporto) indicou cinco escolas da capital e três do interior, todas aprovadas.

As oito unidades aprovadas para a modalidade são: Escola Estadual Ana Libória, Professor Antônio Carlos Natalino, Jaceguai Reis Cunha, Maria das Dores Brasil, Severino Gonçalo Cavalcante, José Vieira Sales Guerra (Caracaraí), Padre José Monticone (Mucajaí) e José de Alencar (Rorainópolis).

A adesão se deu por meio do Programa de Fomento à Implementação de Escolas em Tempo Integral do MEC. As matrículas começam em janeiro, conforme Calendário letivo de cada unidade de ensino.

Conforme a diretora do DEB (Departamento de Educação Básica da Seed), Lucimar Sales, a jornada escolar nessas unidades passa de 4 para 8 horas diárias e os alunos terão aula pela manhã e tarde. Ela lembrou que a Seed teve que cumprir uma série de exigências para a aprovação das escolas.

“Tivemos que elaborar um plano de implementação para as escolas”, disse. Uma das exigências é que o novo modelo de ensino só pode ser aplicado em escola que tenha somente o Ensino Médio. “Como a maioria das nossas escolas funciona com Ensino Fundamental, Médio e EJA [Educação de Jovens e Adultos], tivemos que fazer adequações”, explicou Lucimar.

A partir de 2017, as unidades que adotaram a nova modalidade de ensino, vão retirar gradativamente o Ensino Fundamental e a EJA. Em três anos elas só poderão oferecer o Ensino Médio de Tempo Integral. Conforme Lucimar, essas escolas não abrirão novas vagas para ingresso no Ensino Fundamental e nem na EJA.

“Os alunos da escola que estudam nessas modalidades permanecem até concluir o estudo porque a mudança será gradativa. A política do MEC é de separar as escolas por modalidades”, ressaltou.

O processo de implantação será gradual, em 2017 somente alunos que farão o 1º ano do Ensino Médio terão tempo integral. “Os alunos que cursarão 2º e 3º ano seguem o modelo curricular antigo, de somente um turno”, esclareceu Lucimar Sales.

Para o secretário Emanuel Alves, a mudança trará bons resultados para a educação em Roraima e vai alavancar a melhoria do ensino. “O Ensino Médio em Tempo Integral vai possibilitar maior permanência do aluno na escola e também do professor, o que contribuirá para a melhoria na qualidade do ensino”, disse.

MATRÍCULAS

A escola Jaceguai Reis Cunha está inserida no Calendário 1. As matriculas serão realizadas no período de 02 a 06 de janeiro. As aulas iniciam no dia 30 de janeiro. As escolas Ana Libória, José de Alencar, José Vieira de Sales Guerra e Padre José Monticone estão no Calendário 2, com matriculas de 06 a 10 de fevereiro. As aulas iniciam no dia 2 de março.

Para as escolas Professor Antônio Carlos Natalino, Maria das Dores Brasil, Severino Gonçalo Cavalcante, do Calendário 3, a matrícula será de 13 a 17 de fevereiro, e as aulas começam no dia 16 de março.

 
 
 

 

 

Imprimir Enviar Corrigir Tamanho: A+ a-




Notícias relacionadas