Política
 
Polícia civil define plano de ação nas eleições municipais de 2016
A sede do TRE também receberá reforço das forças policiais no dia da eleição
 
Por - Redação I 22/09/2016 - 18:48 -
———————————————————————————————————————————
Fotos: Orib Ziedson
O diretor do DPJI, delegado Renê de Almeida, informou que, assim como na capital, o trabalho no interior do Estado iniciará na sexta-feira (30/9)
A segurança das eleições municipais de 2016 e a atuação da polícia civil foram assuntos discutidos na manhã desta quinta-feira (22), na Delegacia Geral da Polícia Civil, durante reunião entre o presidente do Tribunal Regional Eleitoral de Roraima (TRE-RR), desembargador Mauro Campello, e a delegada-geral da polícia civil, Edineia Santos Chagas. Participaram ainda da reunião, o secretário de administração do TRE-RR, Adriano Nogueira, o presidente da comissão de segurança, Alex Magno, a delegada da polícia civil, Eliane Gonçalves e o diretor do departamento de polícia judiciária do interior (DPJI), delegado Renê de Almeida.

Edineia explicou que aproximadamente 120 policiais irão atuar em todo Estado e que o plano de ação da polícia civil será a mesma adotada nos pleitos anteriores. “Essa reunião com o presidente do TRE-RR foi essencial para dirimir algumas dúvidas e direcionar as ações de forma mais precisa tanto na capital quanto no interior do Estado”, disse a delegada.

O diretor do DPJI, delegado Renê de Almeida, informou que, assim como na capital, o trabalho no interior do Estado iniciará na sexta-feira (30/9). “Teremos um efetivo de 70 policiais civis e 14 viaturas atuando nos municípios do interior. O trabalho iniciará na sexta-feira e se estenderá até o domingo à noite quando finalizar todos os procedimentos do pleito”, disse.

Para Campello, tudo indica que, a exemplo das eleições gerais de 2014, o pleito eleitoral transcorrerá de forma tranquila. “Como nos pleitos anteriores, contamos com a parceria e integração de todas as forças policiais para manter a ordem, a paz e a tranquilidade durante a eleição tanto na capital quanto no interior do Estado”, finalizou.

Segurança na sede TRE-RR

De acordo com o presidente do TRE-RR, desembargador Mauro Campello, a sede da instituição também receberá reforço das forças policiais no dia da eleição. “O TRE-RR é o local onde ocorre a totalização dos votos e a transmissão dos dados ao Tribunal Superior Eleitoral. Nesse dia, a circulação no prédio será restrita e somente pessoas credenciadas poderão entrar no local que terá a segurança redobrada”, ressaltou o desembargador.

 
 
 

 

 

Imprimir Enviar Corrigir Tamanho: A+ a-




Notícias relacionadas