Empreendedor
 
Gestão de visual de lojas pode atrair clientes e ampliar faturamento
Para auxiliar o empresário a atrair seus clientes, o Sebrae Roraima irá promover o curso Gestão Visual de Loja
 
Por - Redação I 03/08/2016 - 13:10 -
———————————————————————————————————————————
A vitrine é um dos maiores atrativos de uma loja e responsável por até 75% das vendas. Ao passar na fachada de uma loja ou no sentimento despertado dentro dela, que o consumidor se encanta com os produtos e pode se tornar fiel a uma marca. Para auxiliar o empresário a atrair seus clientes, o Sebrae Roraima irá promover o curso Gestão Visual de Loja.

Na capacitação o empresário aprenderá estratégias de exposição de produtos, de forma a agradar os clientes e consequentemente aumentar suas vendas. A capacitação será na unidade do Sebrae da avenida Getúlio Vargas, entre os dias 9 e 12, das 18h às 22h. O investimento de R$ 100,00 dá direito a dois participantes por empresa.

O curso terá carga horária de 16 horas e ainda uma hora de consultoria individual. O consultor que dará as aulas vai visitar as empresas pessoalmente para que possa orientar nas melhorias necessárias e possíveis. O responsável por ministrar o curso será Denilton Cunha, personal design de lojas de Vitória (ES), consultor do Sebrae com ampla experiência em lojas de shopping center e de rua.

O analista técnico do Sebrae, Fábio Cardoso, esclarece que a gestão do visual de uma loja não é uma simples arrumação de exposição de produtos ou serviços, mas uma importante estratégia para aumentar o faturamento de uma empresa. Os empresários serão capacitados para utilizar técnicas de merchandising na exposição de produtos, no planejamento dos espaços com propósito de influenciar as decisões de compra.

“Essa técnica pode ser aplicada desde a uma loja de material de construção à um pet shop. Um layout diferenciado de acordo com a proposta e o segmento da loja, pode potencializar o fluxo de venda de produtos, aumentando o faturamento do negócio”, orientou o analista.

O espaço de vendas deve conversar com o cliente e se diferenciar da concorrência. Não é só a fachada da loja que importa, além da vitrine, iluminação e mobiliário diferenciados são fundamentais para atingir o objetivo na atração e convencimento do potencial comprador de produtos e serviços.

 
 
 

 

 

Imprimir Enviar Corrigir Tamanho: A+ a-




Notícias relacionadas