Cotidiano
 
Policiamento é reforçado no feriadão
A segurança também será reforçada durante a encenação em Mucajaí e nas rodovias de saída da Capital
 
Por - Redação I 24/03/2016 - 11:43 -
———————————————————————————————————————————
Fotos: Divulgação
O reforço extraordinário ocorrerá na sexta-feira, dia 25, quando haverá encenação da VII Paixão de Cristo, na Praça ‘Germano Augusto Sampaio
A Polícia Militar de Roraima reforçará o policiamento durante o feriado de Semana Santa na Capital e no Interior, principalmente nos locais onde ocorrerão as encenações da Paixão de Cristo, como o caso do município de Mucajaí e da Praça ‘Germano Augusto Sampaio’. O objetivo é garantir a segurança das pessoas que comparecerão ao local e apoiar outras instituições de segurança pública.

Na Capital, conforme o subcomandante do CPC (Comando de Policiamento da Capital), coronel Paulo Roberto Macêdo, será mantida a escala normal da 1ª malha – que atende o policiamento rotineiro - e reforçadas pela 2ª malha, que são as unidades especializadas do Bope (Batalhão de Operações Policiais Especiais), Giro (Grupamento de Intervenção Rápida Ostensiva) e Ciptur (Companhia Independente de Policiamento de Trânsito Urbano e Rural).

O reforço extraordinário ocorrerá na sexta-feira, dia 25, quando haverá encenação da VII Paixão de Cristo, na Praça ‘Germano Augusto Sampaio’, zona Oeste da Capital. “Além do policiamento normal, vamos prestar apoio às operações realizadas por outras instituições. Também será mantida a fiscalizações no posto de controle policial das saídas da capital que fazem o controle de fluxo de entrada e saída de veículos e contam com a equipe de radiopatrulha da Ciptur e as equipes mistas da Policia Militar em apoio à equipe do Detran [Departamento Estadual de Trânsito]”, informou o coronel Macêdo.

INTERIOR

O policiamento no Interior do Estado será reforçado em Mucajaí, onde ocorrerá a 34ª Encenação da Paixão de Cristo, que contará com média de 50 policiais militares e quatro viaturas, fora os outros órgãos de segurança que darão apoio, como a guarda municipal.

Segundo o comandante do CPI (Comando de Policiamento do Interior), coronel Valdinar Carvalho, a mobilização será feita em parceria com os órgãos que compõem o sistema de segurança, cabendo ao CPI (Comando de Policiamento do Interior). “O policiamento será realizado pelos integrantes do Batalhão da localidade que irão coordenar o policiamento ostensivo e preventivo, para manter a ordem pública e a segurança das pessoas que estarão prestigiando o evento”, explicou.

 
 
 

 

 

Imprimir Enviar Corrigir Tamanho: A+ a-




Notícias relacionadas