Esportes
 
Marcos Jorge assume como secretário-executivo do Ministério dos Esportes
Nesta terça-feira, Marcos Jorge de Lima foi nomeado secretário-executivo do Ministério dos Esportes, pela presidente Dilma Rousseff
 
Por - Redação I 18/11/2015 - 10:25 -
———————————————————————————————————————————
Fotos: Fernando Oliveira
Marcos Jorge (PRBé natural do Rio de Janeiro e tem 36 anos de idade
Nesta terça-feira (17), o presidente regional do PRB, Marcos Jorge, foi nomeado secretário-executivo do Ministério dos Esportes, pela presidente Dilma Rousseff, com o desafio de coordenar as Olimpíadas de 2016, no Rio de Janeiro (RJ). No lugar dele, na Secretaria de Cultura, assume interinamente o adjunto da Pasta, Francélio Parente Hardi.

Sob a gestão de Marcos Jorge, o governo realizou o Arraial Macuxi, e festivais para incentivar a música regional e manifestações populares. Regulamentou o Fundo Estadual da Cultura e a Lei do Patrimônio Histórico e Cultural, além de dar forma ao projeto de lei do Sistema Estadual da Cultura, enviado para apreciação da ALE (Assembleia Legislativa de Roraima).

Em 11 meses de atuação no primeiro escalão do governo, Marcos Jorge comandou a reforma da Praça do Coreto e do auditório do Palácio da Cultura, além de homenagear famílias tradicionais dando o nome de Dagmar Vieira Ramalho, ao Coreto, Delta do Carmo Gouvêa Coelho, à Biblioteca Pública, e José Celestino da Luz, ao auditório do Palácio da Cultura.

Também orientou o projeto de revitalização da Casa de Cultura, que está sendo licitado pela Seinf (Secretaria Estadual de Infraestrutura), e a reforma do Teatro Carlos Gomes, que está tramitando no Ministério do Turismo.

CURRÍCULO

Marcos Jorge é natural do Rio de Janeiro e tem 36 anos de idade. Casado, pai de três filhos, é formado em Administração e mestrando em Tecnologia da Informação.

Desde 2007 ele está à frente do PRB (Partido Republicano Brasileiro), quando foi convidado pela Presidência Nacional a estruturar a legenda em Roraima. Atualmente é vice-presidente do Fórum Nacional de Secretários e Dirigentes Estaduais de Cultura. Também foi superintendente da Pesca e Aquicultura, do Governo Federal.

 
 
 

 

 

Imprimir Enviar Corrigir Tamanho: A+ a-




Notícias relacionadas