Cotidiano
 
Truaru recebe ações sociais como parte da Operação Curare VI
A ACISO ocorrerá no período da 8h00 às 16h na Escola Municipal Indígena Vicente André da Silva e na Escola Estadual Indígena Rosa Nascimento
 
Por - Redação I 14/09/2015 - 19:05 -
———————————————————————————————————————————
Fotos: Divulgação
Um clínico geral e um ginecologista estarão atendendo a população da comunidade Truaru nesta terça-feira
O 1º Batalhão Logístico de Selva (1º B Log Sl), da 1ª Brigada de Infantaria de Selva (1ª Bda Inf Sl), coordenará uma Ação Cívico-Social (ACISO) na Comunidade Indígena Truaru nesta terça-feira, no contexto da Operação Curare VI.

A ACISO ocorrerá no período da 8h00 às 16h na Escola Municipal Indígena Vicente André da Silva e na Escola Estadual Indígena Rosa Nascimento.

O 1º B Log Sl empregará cerca de 80 militares, sendo dois médicos (um clínico geral e um ginecologista), um dentista, além de duas estudantes de odontologia da Faculdade Cathedral. As atividades previstas são:

- Atendimento médico (Clínica geral e Ginecologia)
- Palestra sobre profilaxia, higiene bucal e aplicação de flúor
- Palestra sobre Gestão Ambiental
- Corte de grama, pintura, manutenção das caixas de água, instalação de pias e manutenção de rede elétrica e hidráulica nas Escolas citadas.

Com esta iniciativa, o 1º B Log Sl manterá o treinamento de seu efetivo no apoio à 1ª Bda de Inf de Sl em ações na faixa de fronteira e contribuirá para melhoria das condições de vida e educação infanto-juvenil no âmbito da Sociedade Roraimanense.

GARIMPO

No dia 12 de setembro de 2015 a 1ª Brigada de Infantaria de Selva, no contexto da Operação Curare VI, realizou a localização e a destruição de uma área de garimpo ilegal e de uma pista de pouso clandestina. O referido local fica na Serra da Beleza, extremo norte de Roraima, no Município de Amajari. Na oportunidade, foram utilizados 40 Kg de explosivo para a neutralização da referida pista. Não houve apreensão de garimpeiros, que ao avistar a aeronave evadiram-se do local.

Atualmente, no decorrer da operação, já temos 4 pistas destruÍdas, Noronha, Auaris, Valmor e da Serra da Beleza

 
 
 

 

 

Imprimir Enviar Corrigir Tamanho: A+ a-




Notícias relacionadas