Diversão e Arte
 
Sábado tem Sarau da Lona Poética no Espaço União Operáraria
O evento contará com a participação do escritor Marcelino Freire, que nos dias 9 e 10 estará em Boa Vista ministrando uma oficina de criação literária
 
Por - Redação I 07/04/2015 - 18:23 -
———————————————————————————————————————————
Fotos: Divulgação
O sarau começa às 18h, com entrada franca para pessoas de todas as idades
Neste sábado (11) tem mais uma edição do Sarau da Lona Poética, encontro de poetas, músicos e pessoas que curtem falar e ouvir poesia. Promovido mensalmente pelo Coletivo Arteliteratura Caimbé, será realizado no Espaço de Cultura e Arte União Operária. O evento contará com a participação do escritor Marcelino Freire, que nos dias 9 e 10 estará em Boa Vista ministrando uma oficina de criação literária.

A União Operária fica na avenida Nossa Senhora da Consolata, 556, esquina com a rua Alfredo Cruz, Centro. O sarau começa às 18h, com entrada franca para pessoas de todas as idades. A programação é feita diretamente pelos participantes, que podem declamar poemas próprios e de outros autores. O Coletivo Caimbé disponibiliza livros de autores locais, nacionais e internacionais para quem não tiver nenhum poema decorado mas gosta de ler para os demais.

Quem quiser, pode levar seu instrumento musical para tocar e cantar. “O importante é compartilhar com os demais o seu poema, a sua música. A Lona Poética é para quem gosta de ouvir, falar e cantar”, explica a poeta Zanny Adairalba, uma das articuladoras do Coletivo Caimbé.

Atualmente, o Sarau da Lona Poética é o único evento público deste gênero promovido regularmente em Roraima. Itinerante, já ocupou praças, parques e livrarias em Boa Vista. Para ver imagens e vídeos, acesse www.caimbe.blogspot.com.br ou www.facebook.com/coletivocaimbe.

OFICINA

Esta edição da Lona Poética vai servir como encerramento da oficina de criação literária que o escritor Marcelino Freire vai ministrar na quinta e sexta (9 e 10), das 15h30 às 18h30, também no Espaço União Operária. As atividades fazem parte do projeto Quebras (http://quebras.com.br), contemplado com o edital do programa Rumos Itaú Cultural e que em Boa Vista tem apoio da Universidade Federal de Roraima (UFRR). Interessados em participar da oficina podem solicitar a vaga escrevendo para todasasquebras@gmail.com.

MARCELINO FREIRE

O escritor viveu no Recife e, desde 1991, reside em São Paulo. É autor, entre outros, dos livros “Angu de Sangue” e “Contos Negreiros” (Prêmio Jabuti 2006). Em 2004, idealizou e organizou a antologia de microcontos “Os Cem Menores Contos Brasileiros do Século” (Ateliê). Alguns de seus contos foram adaptados para teatro. Participou de várias antologias no Brasil e no exterior. “Contos Negreiros” foi publicado em 2013 na Argentina. É um dos integrantes do coletivo EDITH, pelo qual lançou, em julho de 2011, o livro de contos “Amar É Crime”. No final de 2013, publicou seu primeiro romance, intitulado “Nossos Ossos” (Record), publicado também na Argentina, pela editora Adriana Hidalgo, e na França, pela editora Anacaona, e com o qual ganhou o prêmio Machado de Assis 2014 de Melhor Romance pela Biblioteca Nacional.

 
 
 

 

 

Imprimir Enviar Corrigir Tamanho: A+ a-




Notícias relacionadas