Cotidiano
 
Perito do IML acompanha autópsia de brasileira em Porto Ordaz
A mulher veio a óbito após uma cirurgia plástica no país vizinho
 
Por - Redação I 21/01/2015 - 17:28 -
———————————————————————————————————————————
Por determinação do secretário de Segurança Pública, Januário Lacerda, uma equipe formada por um médico da Polícia Militar e um perito do IML (Instituto Médico Legal) acompanha às 13 horas desta quarta-feira, dia 21, na cidade de Porto Ordaz, na Venezuela, a autópsia do corpo de Glaucinete Cabral do Nascimento Costa. A mulher veio a óbito após uma cirurgia plástica no país vizinho.

Segundo o secretário, os familiares de Glaucinete Costa solicitaram o apoio das autoridades de Roraima para acompanhar a autópsia, tendo em vista a alegação da médica que fez a cirurgia, de que o óbito se deu porque ela ingeriu doses excessivas de um xarope para tosse, sem prescrição médica e que teria causado taquicardia.

Lacerda informou que além do atual diretor do IML, Ivo Matoso e do médico da Polícia Militar 1º Tenente Ildemberg de Oliveira Amorim, o caso também está sendo acompanhado pelo Consulado Brasileiro em Porto Ordaz e os familiares da vítima.

"Foi uma solicitação da família de Glaucinete e designamos a equipe para se descolar ao país vizinho para acompanhar a autópsia, com a anuência da governadora Suely", informou o secretário.

 
 
 

 

 

Imprimir Enviar Corrigir Tamanho: A+ a-




Notícias relacionadas